Mais uma vez, o meu coração bate fora do peito…

By

Mais uma vez, o meu coração bate fora do peito.
Sim, é uma frase pirosa eu sei, mas é tão verdadeira que até dói!

Com o teu nascimento, mais uma vez, despertaram em mim sentimentos distintos e de uma força imensa…

Por um lado este amor imensurável, que ultrapassa todos os limites mundanos e divinos, um amor capaz de me transformar na mais amavel das criaturas quando te tenho nos braços, e no mais feroz dos predadores para te proteger…

Por outro lado, e com mesma amplitude, um medo terrivel. Um medo que me paralisa só de imaginar a possibilidade de um dia te perder, a possibilidade de que um dia algo te aconteça sem que eu nada possa fazer para o evitar, para te proteger.

Enquanto te amamento olho para ti, um bebé lindo e indefeso, que me escolheu, que confia em mim e que depende de mim…

E muitas vezes, enquanto te amamento tenho vontade de chorar.

As hormonas, o cansaço, este amor, este medo… o medo de não estar à altura, o medo de não conseguir ser a mãe que tu precisas e mereces que eu seja.

São sentimentos tão intensos e avassaladores que me invadem, que de facto as vezes, as lagrimas teimam em querer sair.

Acabei de ser mãe, tenho uma familia maravilhosa e apesar de me sentir imensamente grata e feliz, as vezes tenho vontade de chorar. E sei que está tudo bem.

Lembro-me de ter sentido exactamente a mesma coisa quando os manos nasceram, e acho que é legítimo…

Esta é de facto uma fase intensa, de sentimentos intensos, de dias e noites intensas. É maravilhosa e perturbadora ao mesmo tempo…

Estes sentimentos são para a vida, mas felizmente, esta “montanha russa emocional” é passageira, e garanto-te que darei sempre o melhor de mim para cultivar sempre o melhor em ti

Assim vai a vida… aos olhos de uma mãe!

You may also like

Leave a Comment

Your email address will not be published.

scriptsell.neteDataStyle - Best Wordpress Services
error: Content is protected !!